ACS-PE parabeniza os 1.730 PMs e bombeiros aprovados em concursos no Estado

O presidente da associação, Albérisson Carlos, destaca que a ampliação no quadro das corporações foi um apelo feito pela sociedade que solicitava com urgência mais profissionais nas ruas.

Publicado em 4 de fevereiro de 2021

ACS-PE pede ao Governo de PE prioridade na vacinação dos Policiais e Bombeiros Militares na vacina contra a Covid-19. Foto: Montagem/Portal de Prefeitura

ACS-PE pede ao Governo de PE prioridade na vacinação dos Policiais e Bombeiros Militares na vacina contra a Covid-19. Foto: Montagem/Portal de Prefeitura

 

O presidente da Associação Pernambucana de Cabos e Soldados de Pernambuco (ACS-PE), Albérisson Carlos, parabeniza todos 1.925 aprovados em concursos das polícias Militar, Civil e Cientifica e do Corpo de Bombeiros no Estado.  Albérisson destaca que a ampliação no quadro das corporações foi um apelo feito pela sociedade que solicitava  com urgência mais profissionais da área de segurança nas ruas.

O Governo de Pernambuco informou que, ao todo, são 1.510 policiais militares, 100 delegados da Polícia Civil, 220 bombeiros militares, 50 médicos legistas e 45 auxiliares de perito. A expectativa, segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS-PE), é de que as primeiras turmas comecem o curso de formação no mês de abril desde ano.

A Conquista, de acordo com o presidente da ACS-PE, veio para reforçar a responsabilidade dos profissionais com a população. Albérisson também pontuou que os convocados terão novos desafios e aprendizados a partir de agora.

“Nossa instituição se alegra em saber que outros profissionais vão integrar a nossa corporação. Mas, entende que deveria ser chamado todos os aprovados neste ano, e não uma parte esse ano e outra em 2022, com previsão de concurso para 2023. Pois a saída do efetivo da Polícia e do Bombeiro vai ser maior que a entrada, então a defasagem vai continuar acontecendo, e pior, vai ser muito ruim para sociedade por que vai cair muito o número de efetivo nas ruas”, expressou Albérisson Carlos.

O presidente da ACS afirmou que a Associação vai continuar atenta e solicitando que o efetivo de toda forma seja contratado em sua plenitude. Além de solicitar que o governador Paulo Câmara convoque todos os aprovados imediatamente, também pedimos que seja aberto um novo concurso para o aumento do efetivo nas ruas.

 

Chamado

O presidente da Associação dos Cabos e Soldados de Pernambuco (ACS-PE), Albérisson Carlos, convocou todos os veteranos e pensionistas para ajuizar uma ação de suspensão dos descontos do FUNAFIN e a restituição dos valores cobrados de forma indevida. Lembrando que é o desconto previdenciário que foi implantado desde dezembro de 2020.

Em áudio publicado nas redes sociais, o presidente explica que em recente decisão (publicada em 14/01/2021), o Supremo Tribunal Federal (STF), julgou ilegal a aplicação do desconto de 9,5% aos Militares Estaduais do Ceará.

“Nós já temos uma ação que transita no TJPE, que está em recurso no segundo grau. O que não impede de você pensionistas, reformado ou da reserva remunerado. Entrar com uma ação de maneira individual, pedindo não só a restituição dos valores cobrados indevidos, bem como, a adequação da Lei no que tange ao teto previdenciário. Para que daqui para frente essa ilegalidade seja sanada”, pediu o Albérisson.

Notícias Relacionadas

Desenvolvido por Alexsander Arcelino